Efraim Filho
UNIÃO

Efraim Filho

Senador - PB

9,34

Pontos

1°

Geral

de 566

1°

PB

de 14

NOME CIVIL:

EFRAIM DE ARAÚJO MORAIS FILHO

TELEFONE:

(61)

Bola Dentro e Bola Fora

Avaliação popular

Megafone

AVALIE ESSE(A) PARLAMENTAR

3,03 de 59 avaliações
* A avaliação e os comentários não interferem nos pontos dos parlamentares.
5
46%
4
7%
3
2%
2
7%
1
39%
  • ANTIPRIVILEGIOS

    ANTIPRIVILÉGIOS Como votou

  • ANTIDESPERDICIO

    ANTIDESPERDÍCIO Presenças & Economia de Verbas

  • ANTICORRUPCAO

    ANTICORRUPÇÃO Processos judiciais

  • OUTROS

    OUTROS

  • TOTAL

Trajetória

Efraim de Araújo Morais Filho, nasceu em João Pessoa/PB em 18 de março de 1979, formou-se em Direito pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e é especializado em Direito do Consumidor pela Universidade de Granada, Espanha. Atuou como Sócio-Gerente na Morais & Campos Consultoria Jurídica em João Pessoa/PB de 2002 a 2006, quando iniciou sua carreira política.

É filho do ex-deputado federal (1990-2001) e ex-senador (2002-2010) Efraim Morais.

Carreira política

Iniciou sua carreira política em 2006, tornando-se aos 26 anos deputado federal pelo Partido da Frente Liberal - PFL, antigo DEM e que posteriormente se tornou o União Brasil. Foi reeleito por três mandatos consecutivos. Em 2008, foi eleito Presidente da recém criada ala juvenil do Partido (JDEM). 

A única eleição que disputou e não sagrou-se vencedor ocorreu em 2012, quando compôs como vice de Estela (PSB) para a prefeitura de João Pessoa, mas a chapa não chegou ao segundo turno.

Em 2022 elegeu-se Senador da República pelo União Brasil com 617.477 votos.

Atuação no Congresso Nacional

Como deputado federal, tinha como uma das principais pautas o combate à corrupção e a segurança pública.

Em 2012, foi presidente da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado. Também integrou a CPI da Petrobras em 2014, que investigou os casos de corrupção na estatal. Em agosto de 2015, presidiu a CPI dos Fundos de Pensão, investigando irregularidades durante o auge da Operação Lava Jato. Em 2016, votou de forma favorável ao processo de impeachment da Dilma Rousseff.

Ao longo de sua atuação parlamentar, passou a se destacar por sua atuação em pautas econômicas. Votou favoravelmente à reforma trabalhista.

Em 2017, também votou de forma favorável à PEC que instituiu a regra do Teto de Gastos Públicos. No seu atual mandato como Senador, é autor do PL 2.234/2023, que propõe alteração no Fundo Nacional de Segurança Pública - FNSP, o qual tem o objetivo de apoiar projetos na área de segurança pública e de prevenção à violência. Assim, instituir a possibilidade de uso de recursos desse Fundo também em prol da segurança viária.

Como senador, em 2023 foi autor do PL que prorrogou até 2027 a desoneração da folha de pagamento para 17 setores da economia, e um dos líderes da derrubada do veto do presidente Lula (PT) à medida, em dezembro de 2023. É líder da bancada do União Brasil no Senado Federal desde 2023, composta por 7 senadores e presidente da Frente Parlamentar de Comércio, Serviços e Empreendedorismo (FCS).

Além disso, Efraim foi o relator da proposta que criminaliza a posse de qualquer quantidade de drogas (PEC 45/2023)

Reconhecimentos

Efraim Filho recebeu o Prêmio Excelência Parlamentar em 2023 pelo Ranking dos Políticos, com uma nota de 8,99 pontos, sendo o 1º parlamentar da Paraíba e o 1º na colocação geral.

 

Newsletter

Assine nossa newsletter para ficar por dentro de todas as novidades!


© 2020 Ranking dos Políticos. Todos os direitos reservados.